Passo a Passo

PASSO A PASSO PARA A REALIZAÇÃO DA PRÉ-CONFERÊNCIA NA ESCOLA

 

Divulgação: A Pré-conferência começa na escola e na comunidade.

 

O primeiro passo é eleger e reunir o grupo que irá cuidar dos preparativos da Pré-conferência. É preciso colocar a mão na massa e mobilizar as pessoas (professores, funcionários, pais, mães, colegas, vizinhos) para que participem. As tarefas desse grupo são:

 

  • Facilitar o acesso à comunidade em geral quanto ao material preparado para a Pré-conferência;

 

  • Divulgar o dia, local e horário da Pré-conferência na Escola e apresentar a programação completa.

 

Calendário

 

O grupo de trabalho criado em cada escola para a Pré-conferência iniciará a mobilização. Cada escola tem até o dia 09/04/2013 para preparar o material (programação). São tarefas deste grupo:

 

  • Convidar as pessoas da comunidade que possam participar, opinar, sugerir e se comprometer com as ações definidas durante a Pré-conferência, pois a resolução de muitos problemas educacionais a serem debatidos, não depende só da escola ou da comunidade. Também é importante assegurar o compromisso da prefeitura, dos órgãos públicos, das empresas e de outras organizações da sociedade;

 

  • Divulgar amplamente o evento na escola e junto à comunidade. Para isso, vale tudo: cartazes, murais, jornais, boletins, rádio, televisão e o que mais a imaginação criar; (para divulgação, logotipo, etc., contatar: (falasemed@gmail.com)).

 

  • Escolher um mediador ou mediadora para coordenar os trabalhos. A escola pode indicar mais mediadores para orientar a pesquisa e o debate de cada tema, a depender do número de salas existentes na escola e da matrícula em cada escola.

 

 

Preparação: conhecer, pensar e propor.

 

No decorrer da Pré-conferência, a escola passa a ser o lugar em que os alunos vão construindo o conhecimento a partir do que cada um sabe e descobre – e aqui vale o conhecimento científico e o conhecimento popular. É importante pesquisar, conversar com as pessoas, observar e comparar. Cada estudante é um pesquisador nesse momento.

 

Para este trabalho cada aluno pode ainda contar com a colaboração dos professores, diretores, supervisores etc.

 

Tudo o que acontece em cada escola é de suma importância: é desse material pensado e elaborado que surgirão às ideias e as ações para os gestores e administradores cuidarem com responsabilidade da educação no município, no estado e no Brasil. Por isso, além de divulgar o evento e garantir a participação do maior número de estudantes e de pessoas da comunidade, é preciso também organizar os debates.

 

Durante todo o processo de realização da Pré-conferência, o tema será: PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO: Fortalecendo Democracias e Respeitando Diversidades na Construção da Educação Municipal. Para subsidiar as escolas estão disponibilizados no site da SEMED (http://semed.manaus.am.gov.br) os links dos textos base (Documento de Referência CONAE 2014).

 

Os assuntos e temas que serão discutidos dizem respeito a cada um dos participantes. Vale ressaltar que cada escola do município tem uma realidade diferente.

 

Para que o debate seja significativo, é importante que:

 

  • Todos os assuntos e temas sejam debatidos durante a Pré-conferência;

 

  • Para facilitar o trabalho sugere-se que sejam organizados grupos de estudantes e de pessoas interessadas pelo mesmo tema, isto certamente facilitará e ajudará no momento de pesquisar e aprofundar o assunto, e organizar a apresentação com os resultados dos estudos no dia da Pré-conferência;

 

  • Os grupos devem ler os textos sobre os temas para, em seguida, fazer a pesquisa sobre a realidade de cada tema na escola e na comunidade. As fontes de apoio podem ser jornais, revistas, livros, sites, conversas com os pais, mães, avós ou outras pessoas;

 

  • É importante verificar e estabelecer as relações entre os temas: você pode perceber o que cada um deles tem em comum com os demais;

 

  • Se a escola tem projetos que aborda ou envolve esses temas, essa será uma boa oportunidade para voltar a debater, avaliar e ter novas ideias.

 

A leitura dos textos e a realização da pesquisa ajudarão os participantes a criar e pensar nas responsabilidades para o debate no dia da Pré-conferência. Além disso, permitirão conhecer quem atua na comunidade e pode colaborar.

 

O dia da Pré-conferência na Escola: Apresentar, debater e escolher.

 

Depois de movimentar a escola, envolver as pessoas e pesquisar os temas chegou o dia marcado para a Pré-conferência na escola. É o momento de expressar suas ideias em conjunto. Por isso, é importante que todos participem e conheçam o modo de fazer e as regras.

 

Regras da Pré-conferência

 

Cada escola pode com a colaboração dos professores e do conselho escolar, elaborar um pequeno regimento para a sua pré-conferência, contendo um conjunto de normas e procedimentos práticos a serem seguidos durante o evento. Essas normas devem ser lidas no início do encontro e podem também, ser escritas, em cartazes afixados antecipadamente em locais estratégicos da escola, para que todos possam ler e estar cientes.

 

Apresentação de relato

 

Cada grupo deve apresentar (a pesquisa ou o relato) sobre o tema ou assunto escolhido para estudo e as respostas para as questões levantadas.

 

Exemplo: Como vai a educação infantil no município?

 

Organização das ideias

 

Com a quantidade de propostas apresentadas sobre diferentes temas estudados e debatidos, é necessário eleger um relator ou relatora para anotar as opiniões e sugestões que surgirem. Durante os debates todas as ideias são válidas e precisam ser respeitadas e anotadas.

 

Escolha das decisões ou deliberações

 

É o momento de defender e votar as decisões e deliberações que cada grupo apresentou. Qual delas será transcrita ou registrada em documento apropriado da Pré-conferência? Este documento pode ser um caderno de anotações, um livro de atas, ou uma folha de registro. Os registros ou anotações devem ser objetivos e guardar a coerência com o que foi apresentado e deliberado.

 

A escola vai dizer qual ou quais dos temas ou assuntos chamou mais atenção durante a Pré-conferência. Para isso, deve responder a pergunta tal como:

 

  • Quais as responsabilidades devem ser assumidas pelos participantes da Pré-conferência na escola?

 

Elaboração de ação a ser desenvolvida

 

Depois de assumida a responsabilidade todos os participantes deverão responder à questão:

 

  • Como fazer para colocar em prática a responsabilidade assumida, e transformá-la em ação educativa dentro da escola ou na comunidade?

 

Para realizar a ação também é preciso pensar onde, como e quando ela acontecerá. Essas informações também deverão ser redigidas nas atas, relatos ou no caderno de anotações, de modo a dar visibilidade e garantir a sua execução no momento apropriado.

 

Participação e voto

 

Os estudantes, a comunidade escolar e a comunidade local estão trabalhando para realizar a Pré-conferência municipal de educação. Todos têm o direito de participar, mas somente os alunos e alunas (de qualquer idade ou série) podem escolher os cartazes, faixas ou murais elaborados por eles e votar nos delegados ou delegadas que irão representar seu segmento na Pré-conferência municipal.

Registro em fotos ou gravações de vídeos

 

A utilização de registros fotográficos ou gravações de vídeos podem mostrar como foi a Pré-conferência em cada escola: os debates e a eleição dos delegados ou das delegadas. As escolas que tiverem dificuldade em fazer os registros poderão elaborar desenhos detalhados, valorizando assim os talentos existentes na escola.

 

O caderno de anotações, o livro de atas, ou a folha de registro.

 

O caderno de anotações, ou o livro de atas ou a folha de registro deve ter:

 

  • As decisões e/ou deliberações que a escola se dispôs a assumir para melhorar a educação no município;
  • As ações que a escola vai desenvolver a partir das deliberações aprovadas;
  • Os dados da escola (nome, endereço, bairro, fone, fax, e-mail);
  • O nome dos diretores, número de professores, número de funcionários e o número de alunos matriculados;
  • Os dados dos delegados ou seus respectivos suplentes;
  • Um questionário elaborado e preenchido com a avaliação de como foi a Pré-conferência na escola (metodologia de trabalho, número de participantes e desenvolvimento do trabalho, etc.).
  • Esse material deve ser encaminhado em forma de relatório com versão digital disponibilizada no site da Secretaria, à coordenação da Pré-conferência das DDZ, para que a mesma tenha subsídios de avaliação do trabalho desenvolvido em cada escola e possa decidir sobre a importância das deliberações ocorridas.

 

Comunicando a Pré-conferência na Escola

 

Terminada a Pré-conferência, o conhecimento produzido na escola não pode ficar dentro dela. Devem-se divulgar os resultados, o que os participantes aprenderam sobre a educação na escola e no município, as ações que foram aprovadas e assumidas pela comunidade escolar para serem realizadas.

 

Você pode reunir a turma da escola para juntos fazerem um jornal, uma revista ou um folheto; gravar um programa de rádio ou vídeo; montar uma exposição ou um site na Internet. Depende do que sentirem mais vontade de fazer e da tecnologia que existe na escola ou no seu bairro para divulgar as experiências exitosas realizadas em sua escola.

 

Quando as pessoas produzem e expressam o que leram, viram, pesquisaram, conversaram, estão exercendo o direito de comunicar-se e também de informar a outras pessoas sobre os temas que a escola estudou na pré-conferência. É bom lembrar que os assuntos discutidos e debatidos retratam a necessidade de se preparar e realizar ações informativas, educativas sobre os mais diversos temas que envolvem a qualidade de educação e vida da população no município.

 

Cada escola participará com:

(01)  Diretor (delegado nato)

(01) Professor ou Pedagogo;

(01) Representante de estudante maior de 16 anos (só quando houver);

(01) Representante de pais ou responsável;

 

Obs. Lembrando que a unidade de ensino convidará os representantes da Sociedade Civil Organizada para participarem de todos os momentos de discussões, mas os mesmos não poderão candidatar-se a delegado.



 PNE – Plano Nacional de Educação (2011 a 2020) PL Nº 8.035/2010